Latest Posts

Mousse de Pêssego


O que me dizem de uma receita fresquinha, fácil de fazer e deliciosa para este fim de semana? Experimentem fazer aí em casa que todos vão adorar.
Este registo já tem alguns anos e como estamos no verão, porque não partilhar com vocês algo que adoro e que vos possa ser útil para fazerem nestas férias.


Ingredientes/ Ingredients:

  • 1 pêssego (servirá para enfeitar a mousse)
  • 2 saquetas de gelatinas cada com 85gr (ou 1 com 170gr)
  • 1 xícara de água quente
  • 1 lata de leite condensado
  • 1 lata de polpa de pêssego (450gr)
  • 2 pacotes de natas (200 ml cada)

Como preparar (How to prepare)?

Primeiramente prepare a gelatina, coloque o conteúdo das saquetas na xícara de água quente.
No liquidificador coloque a polpa de pêssego, o leite condensado, as natas e misture todos os ingredientes muito bem.






v
Numa tigela/ alguidar verta o preparado e junte a gelatina desidratada e misture tudo com o auxilio de uma vareta ou mesmo de uma colher.
Corte o pêssego da forma que mais lhe agradar enfeitar a mousse e reserva-o.







Verta a mousse da tigela numa terrina de vidro (ou num recipiente do seu gosto) e enfeite com o pêssego cortado. Leve ao frio até solidificar. Sirva e saborea-o 😉


Gostaste desta receita? Já alguma vez a fizeste? Conta-me que vou adorar saber.

Bom Apetite!

XoXo Helena Primeira

Novas Aquisições #2


Heyyy Malta!

Estamos em época de promoções e saldos e como fashion lover que sou não podia deixar de partilhar com vocês algumas das minhas comprinhas dos últimos tempos.



Confesso que tenho imenso gosto em partilhar com vocês estes achados em formato de vídeo/ filme, mas estou em falta para com a comunidade do youtube, pois por motivos tecnológicos ainda não me é possível ter este suporte em formato de vídeo, mas em breve voltarei com força.



Para mim os saldos e as promoções são uma óptima oportunidade para podermos experimentar coisas novas, adquirir peças diferentes do nosso estilo habitual, bem como são a oportunidade de comprarmos as peças mais badaladas do momento sem gastarmos muito.



No entanto, sou bem daquelas que não deixo de comprar aquelas peças intemporais e básicas (como tshirt's, camisas, vestidos minimalistas - de cores brancas e pretas; calçados diversos e acessórios da temporada).





O que me dizem destes achados?
Espero que tenham gostado, tal como eu,
Boas compras.
XoXo Helena Primeira.

Pão Recheado com Queijo


Haaaaaallôôôôôôôôô people!

Acabo de fazer pela primeira vez uma receita que adoro comer quando vou a almoços e jantares de amigos, mas que além de adorar, já tinha uma imensa vontade de comer há semanas.
E como sexta feira que é, aqui fica esta sugestão de um petisco saboroso e fácil para fazeres ai em tua casa.

Ingredientes/ Ingredients:
  • Pão saloio ou pão d'avó
  • 200gr de queijo ralado mozarela (mozzarella)
  • 200gr de queijo ralado ou picado flamengo 
  • 2 Chouriço picados
  • 1 pacote de natas/ 200ml
  • Ervas - Salsa, Orégano e Alecrim q.b.
  • Alumínio para cobrir o pão.



Esta receita é mais uma daquelas que não tem segredo, basta teres os ingredientes da tua preferência, o pão e os queijos que são a base - que fazes a festa :P



Numa tigela juntar o chouriço picado (eu utilizei a máquina 1 2 3 para picar); os queijos; adicionem os temperinhos - salsa, orégano e o alecrim; e por fim, as natas ou a maionese. Mexe tudo muito bem e reserve.





Agora entra em acção o pão. Corte uma tampa na superfície do pão e retire com cuidado todo o miolo e com este miolo podes fazer umas torradas para molhares no recheio de queijo e chouriço.


Recheie o pão com o preparado, tape com a tampa do pão e envolva todo o tão em papel alumínio, e dai é só levar ao forno pré-aquecido por cerca de 20 a 25 minutos.



Sirva quente ou frio, com umas torradas ou pão no seu estado natural, acompanhado da sua bebido preferida e Bom Apetite!
NOTA: Enquanto estiveres a preparar o pão e o recheio, liga o forno a 200º,  aproveita e torra a tampa do pão e o miolo.

Brevemente vídeo desta receita no nosso canal do youtube [Primeira's Life]

XoXo Helena Primeira.


Diário de viagem: Viajando com as Primeira #2 [Hostel pela primeira vez]

Como sabem a primeira vez que fiz uma viagem de irmãs para fora do país, foi para a Irlanda.
Dublin foi a cidade que escolhemos e foi aqui que ficamos pela primeira vez num hostel.

A primeira vista seria uma estadia de 1 semana, depois passou para 4 dias e 3 noites, na qual foi-nos dito pela agente de viagens que em 2 dias conseguíamos fazer a nossa road trip Dublin - e não é que conseguimos fazê-lo mesmo em três dias, apesar de andarmos sempre numa correria que só visto [até porque os estabelecimentos por lá fecham sempre muito cedo em comparação a Portugal].

Ao fim de muitas pesquisas por alojamento, lá conseguimos através do Airbnb, do Booking  ou do Hostelworld [sinceramente já não me recordo onde conseguimos a reserva], um hostel com preço acessível e com vaga naquela altura [Que sorte a nossa], pois a cidade estava cheia de turistas - porque já tinha começado a época alta de turismo, e nem no hotel mais afastado do centro conseguimos uma cama com custo por noite com menos de 180,00€.



Avalon House, foi onde ficamos, um espaço bem localizado. Mas a verdade é que não sabíamos o que nos esperava, nunca tínhamos estado num hostel.





Pelas imagens e pela avaliação que vimos na internet, notamos logo que não seria um hotel ou uma pousada de 4 ou 5 estralas, e pensamos: "Porque não experimentarmos?".
Confesso que o que menos me fez confusão foi a partilha do quarto e o partilhar dos wc's, porque além das casas de banho serem em separado os femininos dos masculinos, eu já venho com uma bagagem bem preparada das minhas férias em parques de campismo.
Mas para a minha irmã, essa falta de privacidade fez-lhe muita confusão. Mas lá acabamos por nos habituar a situação.




Por noite pagamos cerca de 45,00€, preço que inclui pequeno almoço até as 10:00h - e olha que o pequeno almoço, mesmo não sendo muito variado, esteve sempre bom, um pequeno almoço fresco - do dia e pelo que vi não faltou para ninguém.
Quanto ao dormitório, este ponto sim foi mais complicado, pois todos dias chegávamos ao hostel por volta das 21:00h ou 21:30h, a cozinha fechava as 22:00h - o que tínhamos de comer a pressa. E mesmo quando subíamos para relaxarmos nas nossas camas, aproveitando para conectarmos com o "mundo" (bem deitadinhas), havia sempre alguém no quarto a reclamar das luzes do telemóvel ou mesmo surgiam sempre pessoas depois da 00:00h para simplesmente dormirem... imaginem só o barulho que não faziam para acenderem as luzes para se instalarem... (sem esquecer que o chão de quase todo hostel era revestido de madeira velha, que rangia imenso --' )


O hostel tem 3 pisos e elevador, para entrarmos nos quartos cada pessoa tem uma "chave" - um cartão magnético que só está autorizado a abrir o quarto que ficas e os espaços comuns.

O alojamento tem uma pegada meio histórica, todo ele é revestido de tijolos industriais, tem grandes janelas que nos fazem lembrar as casas do filme "A vida é Bela", casas típicas do leste da Europa, dos anos 40.



Os lençóis nos beliches que ficamos pareciam estar limpos; a limpeza do espaço era feita todos os dias pela equipa que eles têm (sobretudo uma equipa de malta jovem) - mas tenho a dizer-vos que a minha irmã ficou com trauma do cheiro a água suja que se sentia.


Contudo, pela localização e pela simpatia e disponibilidade do staff, eles merecem uma pontuação de 8, numa escala de 10. #AvalonHouse #AvalonHouseHostel #AvalonHouseHostelDublin

Espero que tenham gostado desta nossa experiência, aguardem por mais #ViajandocomasPrimeira e pelo vídeo que sairá brevemente no nosso canal do youtube [Primeira's Life],

XoXo Helena Primeira.